Selo acessível já está disponível

Iniciativa tem a adesão de profissionais

Em dezembro do ano passado, a prefeitura de Niterói lançou o Selo Acessível, que tem o objetivo de atestar a qualidade do atendimento em estabelecimentos públicos e privados da cidade a pessoas com deficiência. A Secretaria de Acessibilidade, que coordena o projeto, revelou que neste primeiro semestre ainda não houve nenhum registro de selo, mas incentiva os estabelecimentos enquadrados na iniciativa a solicitar o requerimento.

 

Uma Comissão de Avaliação analisa todas as exigências do estabelecimento para assegurar que seja proporcionada igualdade de atendimento a pessoas com e sem deficiência. Segundo a Coordenadora de Acessibilidade, Tânia Rodrigues, o lançamento do selo e a criação da comissão representam uma vitória na luta das pessoas com deficiência.

 

Na prática

 

A arquiteta Carolina Siggelkow começou a estudar sobre acessibilidade em seu mestrado na Universidade Federal Fluminense (UFF), através de um grupo de pesquisa. Acabou escolhendo o tema para sua dissertação. “Foi uma avaliação sobre rampas nos espaços públicos de Niterói. Desde 2010, quando comecei a estudar sobre o tema, me apaixonei”, diz Carolina.

 

Um de seus projetos foi a transformação do auditório da CDL em acessível para cadeirantes. “Além disso, já fiz consultoria para uma rede de escolas aqui de Niterói e em todos os meus projetos eu proponho o atendimento às exigências e normas de acessibilidade”, salienta a arquiteta. Seu foco são principalmente os estabelecimentos comerciais, como consultórios e escritórios, mas também já realizou a adaptação de um apartamento residencial.

 

Saiba mais

 

Se interessou pelo selo acessível? Você pode buscar mais informações através do site da prefeitura de Niterói

 

https://bit.ly/2LiAItV