Em: Notícias CDLNITEROI

Qualificação de Lideranças – Políticas Públicas 4.0

Iniciativa que integra convênio firmado entre Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas e Sebrae aborda importância das relações institucionais e governamentais na construção de políticas públicas para o desenvolvimento do setor

Hoje, dia 16 de abril, foi realizado o workshop de qualificação de lideranças para ações de Relações Institucionais e Governamentais (RIG), uma iniciativa do Políticas Públicas 4.0 (PP 4.0), convênio firmado entre o Sistema CNDL e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). O projeto pretende unir entidades e associados do Sistema CNDL e representantes do poder público em discussões em torno de questões para o desenvolvimento do setor varejista.

Eduardo Fayet, empresário, professor e especialista em RIG, é o responsável pela qualificação das lideranças. Junto à Murilo Mori, advogado com vasta experiência em relações institucionais, conduz o workshop.  A manhã contou ainda com a presença de Daniel Sakamoto, gerente de projetos da CNDL, Marcelo Mérida, vice-presidente da CNDL, Luiz Vieira, da CDL Niterói, entre outros representantes.

Murilo Mori aponta para a necessidade de se fiscalizar as propostas que tramitam no poder Legislativo e Executivo. “No caso do varejo, uma alteração em lei ou proposta pode afetar diretamente os negócios. Então, é muito importante ter um acompanhamento diário de novas propostas, e ,mais que isso, saber o que fazer, como atuar para defender os seus interesses legitimamente sempre dentro da lei, das normas e de princípios éticos”, afirma.

Integrantes da CDL Niterói estiveram presentes e participaram do evento que ofereceu um espaço para debate.  O presidente, Luiz Vieira, comentou sobre as iniciativas da PP 4.0. “Nós precisamos preparar o profissional de RIG dentro do nosso objetivo. E, além disso, ter consciência do que está acontecendo, estarmos atualizados e informados”, argumenta.

O intuito é fortalecer as lideranças do varejo, em relações institucionais e governamentais, na defesa de interesses legítimos de qualquer segmento da sociedade.  E, até o momento, o PP 4.0 tem como resultado 12 estudos e pesquisas, com o objetivo de embasar a formulação de políticas públicas, e o projeto de uma plataforma digital de articulação política. Um sistema online inédito no Brasil que permitirá acompanhar projetos, estruturar demandas e ao mesmo tempo mobilizar lideranças e conectar atores públicos e privados.